27 de out de 2011

Amor


Escraviza-me na tua liberdade
Deleita-me com as dores da saudade
Completa-me com tua metade!

E nunca mais serei só...

0 comentários: