9 de fev de 2011

Não Ser Nunca Mais

"...E da leveza,
da tamanha tristeza
em que tu vens...
Despir não é nada,
teu corpo, em tua
estranha jornada.
Nada deixar
de certeza,
que jaz...
Ser infame em
teus sonhos,
mais firme que
a própria beleza,
só a claresa de

"não ser"

nunca mais."


(Pedro Miller)





0 comentários: